Linha Automotiva Linha Moto Linha Diesel Gestão

linha-moto-capa

No motor, quando algo não vai bem uma série de anomalias podem ser detectadas pela elevação da temperatura.

O Sensor é o dispositivo que mede a temperatura do óleo do motor, o valor obtido é analisado pelo ECM, com base nos dados recebidos a central busca a melhor estratégia de funcionamento, o objetivo é otimizar o tempo de injeção de combustível conforme a necessidade do motor.

Partida a frio, para facilitar a partida a em baixas temperaturas o ECM controla o volume de combustível do motor para assegurar a marcha lenta e permanece monitorando o volume injetado nas demais temperaturas e condições do motor, sempre buscando dosar o volume ideal. A mistura é precisa em todas as solicitações. Outro beneficio é a proteção proporcionada ao motor de efeitos como: super-aquecimento ou até temperaturas baixas decorrente de misturas inadequadas.

As panes no Sensor de Temperatura do motor são percebidas pelo ECM durante o funcionamento do motor, o autodiagnóstico irá apontar em forma de piscadas na luz de anomalia no painel da motocicleta.

O Sensor é do tipo NTC e à medida que a temperatura do motor sobe, a resistência cai. Qualquer anomalia no sensor haverá alterações na mistura de combustível.

Nesse curso vamos aprender cada detalhe desse sensor!

COMECE AGORA MESMO!

Avaliações

4.5

4.5
avaliações
  • 5 estrelas0
  • 4 estrelas0
  • 3 estrelas0
  • 2 estrelas0
  • 1 estrelas0
328 ALUNOS